Outbox Learning | Conheça o projeto Meu Professor Mestre Cuca

Estudantes do Colégio GGE descobrem novas habilidades e fazem amizade participando de aulas especiais, no contraturno.

Preencher o tempo dos alunos com atividades que possam contribuir para a sua formação, de maneira leve e prazerosa, em tempos de tantas mudanças. Foi com esse objetivo que o Colégio GGE desenvolveu projetos extraordinários (Outbox learning) que vão muito além da grade tradicional de ensino, passando a oferecer as aulas no turno complementar, disponibilizando conteúdos completamente diferentes do que é oferecido de maneira regular, no período da manhã.

Enquanto no primeiro turno, o objetivo é cumprir o escopo pedagógico, à tarde, a ideia é desenvolver habilidades diferentes nos estudantes. E entre os muitos conteúdos oferecidos é preciso destacar o “Meu professor Mestre Cuca”. São aulas de culinária em que os profissionais que, regularmente, ministram aulas de disciplinas tradicionais, como português, matemática, história e geografia, por exemplo, revelam e partilham com os alunos suas habilidades na cozinha. A iniciativa tem servido para estabelecer uma relação ainda mais estreita entre professores e alunos, que passaram a se conhecer em outras versões das que estavam habituados em sala de aula. E isso tem servido para fortalecer os laços com as turmas. Para o professor de História Filipe Domingues, tem sido uma experiência bastante positiva. Ele aproveitou para unir duas paixões: História e culinária.

Estou achando tudo isso maravilhoso. A escola teve uma grande sacada de um projeto leve, num momento de tanta tensão. Então, nós abraçamos a ideia. São ingredientes acessíveis e receitas fáceis que todas as famílias podem fazer. No meu caso, aproveito para inserir na receita, curiosidades históricas para contextualizar e isso tem dado um resultado muito bacana, de muito envolvimento dos alunos”, resumiu o professor.

Os alunos também estão gostando da novidade. Muitos ficaram orgulhosos pelos talentos descobertos. “Para mim, as aulas de culinária têm sido a melhor parte dessa quarentena. Despertei para uma habilidade que eu nem sabia que tinha. No começo eu não sabia de nada. Aí, fui ficando cada vez mais curioso e passei a me interessar mais. Agora, já consigo arriscar várias receitas e tenho evoluído bastante. Sem contar que acabei conhecendo outras pessoas, de turmas diferentes e fazendo novas amizades. Por enquanto, ainda de forma virtual, mas em breve a gente quer se conhecer pessoalmente, porque são alunos de várias unidades diferentes do GGE. Já estamos até planejando um encontro entre Recife e Caruaru, quando a gente puder sair de casa”, destacou Ulisses França, aluno do 8º ano, do GGE Boa Viagem.

Vamos continuar buscando as melhores alternativas para que os nossos alunos passem por esse momento da melhor maneira. Todo e qualquer movimento que fazemos nesse sentido é sempre muito valioso e tem respostas muito positivas. Por isso, nossa equipe pedagógica estuda e pesquisa sem parar para estabelecermos as melhores práticas, dosando os conteúdos e levando experiências para os nossos estudantes. Essa também tem sido a nossa missão: tornar mais leves, dias tão difíceis,” finalizou Tayguara Velozo, gestor pedagógico do GGE.

Notícias Relacionadas

0 respostas

Deixe uma Resposta

Deseja deixar seu comentário?
Comente e participe! Sua opinião é muito importante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.