Jogos lúdicos: A brincadeira como aliada da Educação Infantil

A coordenadora da Educação Infantil do GGE, Amanda Rangel, traz sugestões de atividades divertidas que podem ajudar a desenvolver habilidades na infância.

A importância de brincar durante a infância é inegável. Além de serem práticas divertidas, as brincadeiras são um direito garantido em legislações nacionais e internacionais e estão diretamente ligadas ao desenvolvimento de diversas habilidades, que vão desde aspectos como criatividade, imaginação e sociabilização até competências como coordenação motora, linguagem e raciocínio lógico.

Brincando, as crianças podem aprender a ter mais autonomia intelectual e moral, a lidar melhor com os sentimentos e a se comunicar de forma mais eficaz. Por isso, essas atividades são consideradas fortes aliadas tanto dentro da escola quanto no âmbito familiar, especialmente se forem aplicadas desde o primeiro contato da criança com os objetos.

Mas nem toda brincadeira lúdica é pedagógica e vice-versa. Por definição, os jogos lúdicos são aqueles que proporcionam prazer e diversão, enquanto os pedagógicos são criados para promover aprendizagens específicas. O ideal é conseguir combinar os dois aspectos, fazendo com que as crianças possam se divertir e aprender ao mesmo tempo.

“Na educação infantil, a ludicidade se torna peça-chave do processo de aprendizagem, pois permite que as crianças sintam prazer no aprender e vivenciem os conteúdos de forma mais concreta e palpável. O lúdico vem como auxiliador nesse processo de aquisição de novas habilidades, já que as crianças são estimuladas a brincar, jogar e fazer trocas com seus pares”, esclarece a coordenadora da Educação Infantil do Colégio GGE Parnamirim, Amanda Rangel.

Amanda explica que é possível trabalhar algumas habilidades importantes com atividades simples e acessíveis, e lista algumas das opções que podem ser adotadas dentro de casa.

Para desenvolver o raciocínio lógico

As atividades voltadas para o desenvolvimento do raciocínio lógico envolvem a capacidade de lidar com situações cotidianas, interpretando, respondendo e explicando situações. A utilização desses métodos pode aumentar o senso crítico e argumentativo, e melhorar a capacidade de leitura e escrita.

Exemplos:

  • Quebra-cabeça
  • Dominó
  • Pega varetas
  • Resta 1
  • Jogos de memória
  • Jogos de tabuleiro
  • Cubo mágico

Para trabalhar a coordenação motora

As práticas que trabalham a coordenação motora englobam a capacidade que o corpo tem de desenvolver movimentos como correr, andar, desenhar ou recortar. Quanto mais desenvolvida essa habilidade, maior a facilidade de realizar ações de forma equilibrada, com velocidade e agilidade.

Exemplos:

  • Aramado
  • Atividades de treino motor
  • Resta 1
  • Jogos de empilhar
  • Jogos de enfiagem
  • Pescarias
  • Pega Vareta
  • Blocos de encaixe
  • Brinquedos de alinhavo

Para fortalecer o processo de alfabetização

O conceito de alfabetização está relacionado à decodificação dos elementos que compõem a escrita e a leitura, como a memorização do alfabeto, o reconhecimento das letras, a ligação das sílabas e a formação de palavras. Junto a ele, está também o processo de letramento, que envolve a capacidade de compreensão, interpretação e uso prático da linguagem e pode ser desenvolvido por meio de brincadeiras direcionadas.

Exemplos:

  • Jogo da forca
  • Alfabeto móvel
  • Dominó das sílabas
  • Jogo da memória com imagens e palavras
  • Jogo das rimas
  • Caça-palavras

Para incentivar habilidades matemáticas

As habilidades matemáticas envolvem diversas capacidades, como contar, estimar quantidades, realizar operações, medir objetos, comparar distância e tamanho e identificar formas geométricas. Para reforçar esse processo, que é conhecido como alfabetização matemática, é possível investir em algumas atividades direcionadas.

Exemplos:

  • Dominó dos números
  • Tangram
  • Ábaco
  • Jogos de tabuada

Você sabe qual a brincadeira é ideal para a faixa etária do seu filho?
Tanto no ambiente escolar quanto em casa, as atividades precisam
ser pensadas de acordo com a necessidade da idade.

Clique no botão para fazer o download do e-Book
JOGOS EDUCATIVOS PARA DIFERENTES IDADES

Notícias Relacionadas

0 respostas

Deixe uma Resposta

Deseja deixar seu comentário?
Comente e participe! Sua opinião é muito importante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.