Diversão garantida: Parquinho liberado com total segurança

Você sabe qual a hora do dia mais esperada pelas crianças da Educação Infantil? Quem pensou na “hora do parquinho”, acertou. Como amam esse lugar! Muito mais que diversão, o parquinho tem papel fundamental no desenvolvimento emocional e social dos pequenos, além de proporcionar os benefícios da atividade física regular. É um gasto de energia tão bom, quanto necessário.

Enquanto se divertem no parquinho, aprendem a obedecer regras, resolver problemas, tomar decisões. Devo aguardar a minha vez e respeitar o momento do amiguinho? Como faço para ir de um lado a outro? Tudo parece simples demais, mas para crianças são desafios que estimulam foco, criatividade, curiosidade e até a memória. Parquinho é isso: liberdade, interação e muitas descobertas.

Crianças brincam, professoras avaliam: as expressões, os movimentos, como interagem fora da sala de aula. Tudo soma no processo de ensino-aprendizagem. Pensando nisso, criamos um protocolo de segurança especial para o uso do parquinho e retomamos a atividade ainda mais monitorada do que de costume.

Brincadeira liberada, mas com todo cuidado!

“Sim, liberamos o uso do parquinho no recreio porque entendemos a necessidade das crianças em brincar livres, porém reforçamos o cuidado. Realizamos medidas rigorosas e indispensáveis para a segurança de todos no dia a dia”, conta Amanda Rangel, coordenadora da Educação Infantil do Colégio GGE.

Estamos em tempo de pandemia, mas o desenvolvimento infantil não pode parar. Parquinho liberado e atenção redobrada.

Confira as principais medidas adotadas para garantir a saúde e o bem-estar das nossas crianças:

  • Uma turma de cada vez

    O uso do parquinho é feito por turma, respeitando série e idade das crianças. Dessa forma, controlamos a quantidade de alunos e evitamos contato entre turmas diferentes.

  • Sanitização antes e depois da brincadeira

    Todo o parquinho, incluindo equipamentos, é higienizado no início de cada turno. A limpeza das superfícies é feita com pulverização de produtos próprios para sanitização hospitalar, assegurando a eficácia do protocolo no ambiente. Após a utilização dos brinquedos, a desinfecção é feita novamente.

  • Higiene individual

    Antes do acesso aos brinquedos, as crianças higienizam as mãos. Na saída, o procedimento se repete.

  • Atenção reforçada

    Professoras e auxiliares estão super atentas para orientar o uso da máscara e garantir o distanciamento social entre as crianças.

Com esses cuidados e o olhar vigilante da equipe pedagógica, garantimos diversão e segurança para todos.

Gostou de saber um pouco sobre a rotina da Educação Infantil? Então conta pra gente qual brincadeira o seu filho ou filha gosta mais!

0 respostas

Deixe uma Resposta

Deseja deixar seu comentário?
Comente e participe! Sua opinião é muito importante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.