Nos dias 26 de abril e 9 de maio, nossas turminhas do 4º ano do Ensino Fundamental 1, das unidades Benfica e Boa Viagem, conheceram o Engenho Massangana, localizado no Cabo de Santo Agostinho. O objetivo do passeio pedagógico é proporcionar aos alunos a vivência das origens de Pernambuco, possibilitando uma aprendizagem prática de conteúdos vistos nas aulas de história.

O Engenho Massangana é um conjunto arquitetônico rural do século XIX, composto pela Casa Grande e Capela de São Mateus, que foi tombado pelo Estado como Parque Nacional da Abolição, abrangendo uma área de 10 hectares. O nome do engenho tem origem africana, fazendo referência ao rio Massangana, que na época do auge do açúcar servia para o escoamento do que era produzido nele e nos engenhos da região, até o Porto do Recife.

No século XIX, o senador do império Joaquim Aurélio Pereira de Carvalho e sua esposa Ana Rosa Falcão, madrinha de Joaquim Nabuco, tornaram-se proprietários do local. Em 1849, logo que nasceu, Nabuco mudou-se para o Engenho Massangana, onde viveu seus primeiros oito anos. Em seu livro “Minha Formação” afirma que as primeiras impressões vividas no Massangana formaram a base de suas ideias, bem como o influenciariam para sempre na luta pela abolição da escravatura.

Hoje, o Engenho Massangana está aberto ao público e sua importância histórica e cultural para a história de Pernambuco e do Brasil é aclamada. Em sua nova função, o conjunto traz em seus espaços a temática do açúcar e de Joaquim Nabuco, com exposições, atividades educacionais, expografia do século XIX e sala de leitura, tudo isso com visitas guiadas.

Em 2009, foi promulgada a Lei Federal nº. 11. 946, que institui o ano de 2010 (do centenário de morte de Joaquim Nabuco) como o Ano Nacional Joaquim Nabuco. O Engenho Massangana, que é o único engenho de Pernambuco a ter um líder abolicionista ligado à sua história, hoje é palco de reflexões sobre o legado que Nabuco deixou em sua atuação contra a escravidão, da qual ainda vivemos suas consequências.

Confira a seguir as fotos das turminhas do 4º ano em visita ao Engenho Massangana:

0 respostas

Deixe uma Resposta

Deseja deixar seu comentário?
Comente e participe! Sua opinião é muito importante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.